O fim de uma era. O início de uma lenda.

Quem diria ou esperaria que aquele menino com uma cicatriz na testa e um par de óculos redondos iria passar tanto tempo – pra ser mais precisa, 10 anos – fazendo parte da vida de tantas pessoas? Aquele menino que vivia embaixo da escada da casa dos tios ou com as janelas do quarto fechadas por grades. Aquele menino que todo mundo conhecia por causa de sua história: o popular Harry Potter. O menino que cresceu – literalmente ou não – juntamente com sua legião de fãs, da qual me orgulho em fazer parte.

Na minha humilde opinião, J.K Rowling foi muito feliz na sua estrada “Potteriana”: é incrível a proporção que tudo isso tomou, seja através da leitura de suas histórias ou das adaptações para o cinema. Ontem ainda, após a sessão, eu conversava com o JJúnior perguntando: ­_ E agora? Qual será a próxima “logia” que vai conseguir tudo isso? (…)

Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2, diferentemente do que aconteceu nos outros filmes, já começa a todo vapor, com Você-Sabe-Quem (Ralph Fiennes) se apoderando da varinha das varinhas que pertencia a Dumbledorne (Michael Gambon) para enfim, depois de tantos anos de espera, se preparar para o grande e inevitável confronto.

Enquanto isso, os amigos Continuar lendo

Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 1

Não sou um fã de carteirinha deste filme, nem vi todos, alguns pelas metades outros por curiosidade. Mas este filme me surpreendeu, trama fantástica, jogadas de câmeras muito bem feitas. Personagens bem colocados e bem construídos como os amigos do protagonista que na minha opinião supera o mesmo, e “algo” que me chamou muita atenção, este que na minha opinião foi pouco explorado em filmes como Furia de Titãs e Principe da Persia. Este “algo” é o sacrifício e pessoas deixadas para traz (Desculpa gente eu assistia Cavaleiros do Zodiaco). Enfim me surpreendeu este filme mostrando que o personagem está mais adulto, o filme também acompanhando o mesmo ficou maduro e evoluiu muito em comparação para com o primeiro.
Muitas pessoas dizem que faltou muito detalhes com o livro. Mas convido essas pessoas a ler historias em quadrinhos e assistir as adaptações para realmente verem o que é mudança drástica (DESGRAÇA PURA).
Enfim, recomendo o filme para aqueles que gostam de uma historia dinâmica, com pitadas de dramas e ação.  Algo que vai fazer você esperar ansioso pelo próximo filme. Não recomendado para pessoas que esperam ver lutinhas e não está a fim de historia só  “massa veio”.

“O Conto dos Três Irmãos” Foi fantástico e fantasioso, muito bem feito. Perdendo força só pelo fato da legenda ser branca (fail).  Mas só do filme ser legendado já melhora o bastante na minha opinião. Fora Filme Dublado, se quer algo em português vamos ver nossos filmes nacionais!
*Ainda não virei fã da série nem me interesso pelos livros, mas foi um bom passa tempo ver o filme.

Harry Potter and the Deathly Hallows – Part 1
EUA / Inglaterra , 2010 – 146 min.
Drama / Fantasia / Suspense

Direção:
David Yates

Roteiro:
Steve Kloves