Turma da Mônica Jovem | Veneno Virtual

Lembro-me da época em que para fazer um trabalho de escola precisava dedicar dias de pesquisas nos livros da biblioteca, onde a única referência do que e onde procurar sobre determinado assunto era a bibliotecária, que precisava conhecer aquele local como a palma de sua mão. Muitos dias mais ainda eram necessários para ler, separar, resumir o material e, por fim, “passá-lo a limpo” no formato do trabalho final. Eram incontáveis horas de dores na mão de tanto escrever. Hoje, é tudo mais fácil: com o acesso à internet é tudo muito mais rápido com a difusão de dados e a interação online, tudo, e todo mundo, estão o tempo todo ao alcance de alguns cliques. É claro que isso é ótimo, mas nem tudo são alegrias quando o assunto é a “privacidade virtual”.

TMJ 57 Capa

Na edição 57 de Turma da Mônica Jovem, alguém está de olho em cada passo da turminha Continuar lendo

Turma da Mônica Jovem | Meu futuro

E quem é que nunca teve dúvidas ou inseguranças na hora de tomar uma das decisões mais importante de sua vida, não é mesmo? Escolher qual carreira seguir é uma das maiores dificuldades dos jovens: alguns optam pelo que gostam de fazer, outros pelo que traz maior retorno financeiro, há ainda os que são influenciados pelos seus pais e familiares.

TMJ 55 - CAPA

Na edição 55 de Turma da Mônica Jovem, Meu futuro, Continuar lendo

Turma da Mônica Jovem | Cheia de Onda

Já faz algum tempo que venho pensando em fazer posts mensais a respeito das revistas da Turma da Mônica Jovem, que estão entre as minhas leituras do dia-a-dia, mas sempre, por um motivo ou outro, acabava adiando. Como estamos no início de 2013, nada melhor que colocar a ideia em prática começando com a primeira edição do ano: “Turma da Mônica Jovem – Cheia de Onda”.

A turminha vai passar as férias na cassa de praia dos pais de Marina, com direito a muito sol, areia, diversão e, como não poderia faltar, uma boa pitada de confusão.

Continuar lendo

Astronauta Magnetar

“Os magnetares ocorrem após a formação de estrelas de nêutrons…criadas a partir de estrelas com massa de 10 a 40 vezes superior à do sol que esgotam sua energia nuclear e passam por uma explosão…destruindo tudo em seu caminho e formando uma supernova. Instantes antes da explosão, a região central da estrela desmorona sob a força da gravidade, empurrando os elétrons para os núcleos dos átomos e dirigindo-os a se combinar com prótons, formando nêutrons. Daí o nome “estrela de nêutrons”…A alta taxa de rotação da estrela de nêutrons eleva o já poderoso campo magnético a níveis de um magnetar, emitindo altos níveis de raios X e radiação gama…e com uma superfície tão densa quanto um gigantesco diamante, o menor movimento da crosta gera um…terremoto estelar…um objeto de estudo fascinante e de poder incalculável. Enfim, o magnetar.”

ASTRONAUTA MAGNETAR-CAPA

Astronauta Magnetar, com história e arte de Danilo Beyruth, é o primeiro exemplar do selo Graphic MSP a ser lançado. Essa ideia de permitir que diversos autores do Brasil inteiro pudessem fazer suas próprias releituras dos personagens de Maurício de Sousa começou em 2009, quando Sidney Gusman escolheu os primeiro felizardos para participar do MSP  50 (que fez tanto sucesso que mais tarde vieram o MSP +50 e o MSP Novos 50). Continuar lendo

Os 12 melhores de 2012

2012 foi o ano em que quebramos todos recordes estabelecidos no blog, também foi o ano que reformulamos nossa estrutura e layout, assim tivemos plena confiança em buscar parceiros. Não postamos tanto quanto deveríamos por motivos de trabalhos e mais trabalhos, mas em termos de resultados foi o melhor ano MC.

Abaixo, como já é de costume, nosso post especial dos 12 melhores de 2012 NÃO POSTADOS NO BLOG. Vale lembrar que estes doze não foram necessariamente produzidos, veiculados, lançados, ou o que quer que seja, em 2012, mas foram “absorvidos” por nós neste ano que passou.

– God of War 3 (por A.Paula)

GOD OF WAR 3

2012: o ano em que, finalmente, tive a oportunidade e a alegria de desfrutar das emoções proporcionadas ao se jogar em um PS3.

Continuar lendo

Turma da Mônica Jovem e os personagens de Osamu Tezuca juntos

Quem acompanha o blog já deve saber que sou fã confessa da Turma da Mônica desde a minha infância. Posso dizer que meu gosto e hábito pela leitura de quadrinhos começaram graças aos personagens do Maurício de Sousa, depois de crescida – e até mesmo devido à falta de tempo com os estudos – passei por um período em que não comprava mais tantas revistas da turminha, mas graças à proposta da edição 34 da Turma da Mônica Jovem, pude retomar os velhos hábitos.

Há dois meses, quando comprei a edição 42, Continuar lendo

Falando sobre MSP Novos 50

Falar a respeito dessa grande obra, e marco, do mundo dos quadrinhos, por si só, (…) é uma grande responsabilidade…

O MSP teve em sua primeira edição (2009) a finalidade de homenagear os 50 anos de carreira do pai da turminha mais famosa do Bairro do Limoeiro, convidando 50 novos – ou não – nomes de quadrinistas e/ou cartunistas brasileiros, para darem um novo ar aos personagens e histórias da Turma da Mônica aos seus estilos. A ideia deu tão certo que em 2010 surgiu o MSP + 50 e ano passado, contrariando os comentários dos mais pessimistas, o MSP Novos 50, do qual irei falar mais especificamente.

Fiquei pensando em como  Continuar lendo

A turminha cresceu!

Quando ganhei minha primeira revistinha da Turma da Mônica eu sequer sabia ler: não tinha completado dois anos de idade ainda, mas lembro-me bem de quando saía contando as histórias como se soubesse o que estava lendo.

Essa é a capa da primeira HQ que ganhei e tenho até hoje, é uma relíquia, de 1990.

Cresci acompanhando as aventuras da turminha, tenho várias e várias e várias e… Continuar lendo