Astronauta Magnetar

“Os magnetares ocorrem após a formação de estrelas de nêutrons…criadas a partir de estrelas com massa de 10 a 40 vezes superior à do sol que esgotam sua energia nuclear e passam por uma explosão…destruindo tudo em seu caminho e formando uma supernova. Instantes antes da explosão, a região central da estrela desmorona sob a força da gravidade, empurrando os elétrons para os núcleos dos átomos e dirigindo-os a se combinar com prótons, formando nêutrons. Daí o nome “estrela de nêutrons”…A alta taxa de rotação da estrela de nêutrons eleva o já poderoso campo magnético a níveis de um magnetar, emitindo altos níveis de raios X e radiação gama…e com uma superfície tão densa quanto um gigantesco diamante, o menor movimento da crosta gera um…terremoto estelar…um objeto de estudo fascinante e de poder incalculável. Enfim, o magnetar.”

ASTRONAUTA MAGNETAR-CAPA

Astronauta Magnetar, com história e arte de Danilo Beyruth, é o primeiro exemplar do selo Graphic MSP a ser lançado. Essa ideia de permitir que diversos autores do Brasil inteiro pudessem fazer suas próprias releituras dos personagens de Maurício de Sousa começou em 2009, quando Sidney Gusman escolheu os primeiro felizardos para participar do MSP  50 (que fez tanto sucesso que mais tarde vieram o MSP +50 e o MSP Novos 50). Continuar lendo