Simplesmente Clássico

Os Aventureiros do Bairro Proibido

A lista de filmes que carregam a inevitável associação com a Sessão da Tarde é bastante extensa: A Lagoa Azul, Curtindo a Vida Adoidado, Clube Dos Cinco, O Grande Dragão Branco, O Último Dragão, Karatê Kid, Riquinho, Conta Comigo, Corra Que a Polícia Vem Aí, Mulher Nota 100, e dentre eles o grande clássico do cineasta e músico John Carpenter, Os Aventureiros Do Bairro Proibido (EUA, 1986).

Terceira colaboração com o astro de ação Kurt Russel, aqui ele encarna o caminhoneiro bonachão Jack Burton, que após um jogo de cartas ganho em cima de seu amigo chinês Wang Chi (Dennis Dun) resolve dar uma carona para que ele possa pegar sua bela noiva de olhos verdes Miao Yin (Suzee Pai).

Mas tudo começa a se complicar quando a moça é raptada, e na tentativa de resgatá-la, a dupla acaba se envolvendo num emaranhado de confusões no bairro chinês de São Francisco: entram num beco e são travados por uma disputa de território entre gangues, Burton atropela uma figura misteriosa, e pra piorar tem o seu caminhão roubado.

Burton acaba descobrindo por Wang que a moça fora raptada pelo feiticeiro maligno Lo Pan (James Hong), que deseja voltar a ser mortal para concluir seu plano de conquista mundial, e para missão se concretizar ele precisará se casar com a moça chinesa dos olhos verdes.

Contando com a ajuda do velho guia turístico, e mago, Egg (Victor Wong), e da advogada Grace Law (Kim Cattrall), a dupla parte na missão de resgate.

Os Aventureiros do Bairro Proibido cena

Apesar de apresentar uma trama e produção simples, é justamente nisso que a obra do cineasta cult apresenta como seu grande trunfo, e que o tornou um clássico especial. Se a direção de arte apresenta alguns cenários estranhos à primeira vista, acerta a mão nos figurinos, e nas fumaças de gelo seco, que dão um ar místico a fita.

O lado musical de Carpenter é um grande aliado, já que o mesmo compôs toda trilha sonora usando e abusando dos efeitos dos sintetizadores (característicos dos anos 80), marcando bem o ritmo do filme.

No que diz respeito aos efeitos especiais, os mais críticos malham sem dó, o taxando de “kitsch”, porém, mesmo sendo recursos limitados da época, vendo eles hoje dá pra perceber que funcionam a maior parte do tempo e foram revolucionários, e se duvida do que estou escrevendo, basta conferir o conceito visual do Raiden de “Mortal Kombat”.

Mas é no ótimo elenco que Os Aventureiros Do Bairro Proibido carrega todo seu charme. Russel está sensacional como Jack Burton, e mostra que além de ter as características de um típico brucutu, possui um ótimo timing cômico, e muito antes de se consagrar como a Samantha do seriado “Sex And The City”, Kim Catraal traz um ar descontraído e sensual para sua personagem, fazendo um ótimo contraponto com o protagonista.

Se as piadas funcionam bem em boa parte da história, em outras chega a incomodar, quebrando um pouco o ritmo, e outra coisa que tira um pouco a graça, é o embate final do herói com o vilão, que apesar do “fatality” sensacional, ficou simples demais!

Os Aventureiros Do Bairro Proibido não só é um dos filmes mais divertidos dos anos 80 e exibido a exaustão na Sessão da Tarde, como também é o grande feito de John Carpenter, que terá para sempre seu lugar cativo no hall dos grandes clássicos do cinema.

Ficha Técnica

Gênero: Aventura

Direção: John Carpenter

Roteiro: David Z. Weinstein, Gary Goldman

Elenco: Dennis Dun, James Hong, Kate Burton, Kim Cattrall, Kurt Russell, Victor Wong

Produção: Larry J. Franco

Fotografia: Dean Cundey

Duração: 99 min.

Ano: 1986

País: Estados Unidos

Cor: Colorido

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s